Thread Rating:
  • 0 Vote(s) - 0 Average
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Apresentação - Pedro Mendonça
#1
Caríssimos,

este forum foi-me apresentado pelo sr. Camilo Farinha e de bom agrado aceitei a sua sugestão de me registar!

De onde vem o meu gosto por fazer pão? Bem isso como vocês sabem é algo que nós sentimos dentro de nós, há uma constante ânsia de por a mãos na massa, então nas manhãs frias de outono ou inverno, a chover lá fora, acender um forno a lenha... é impossível resistir!

Tenho 31 anos e comecei e como pão desde sempre, sempre foi um hábito na minha família comer pão à refeição, a minha avó sempre o fez, e sempre gostei de a ver fazer, no entanto só comecei a fazer pão há cerca de 2 anos, havia dois pães que eu sempre achei sublimes o pão de mafra e de rio maior, e sempre achei que estes dois tinham alguma magia que era impossível a alguém que nao fosse um feiticeiro do pão (padeiro) conseguir faze-los, aquele miolo tenro e elástico, que parece mal cozido mas muito saboroso... até que um dia, à procura de uma receita de bases de pizza descobri a zinedepao, e percebi logo que ali se falava noutra língua, ali se escreviam receitas de forma bem diferente, ali estavam as escrituras para aceder ao mundo dos feiticeiros do pão.

Por sorte tenho até um forno a lenha nas terras das minhas avós, nas minhas próprias casas, e desde então tem sido uma aventura sem fim, repleta de descobertas incríveis.

Será um enorme prazer partilhar as minhas descobertas destes 2 anos passados e dos que virão com vocês.

cumps
Reply
#2
(2016-10-24, 10:59)PeterSanctus Wrote: Caríssimos,

este forum foi-me apresentado pelo sr. Camilo Farinha e de bom agrado aceitei a sua sugestão de me registar!

De onde vem o meu gosto por fazer pão? Bem isso como vocês sabem é algo que nós sentimos dentro de nós, há uma constante ânsia de por a mãos na massa, então nas manhãs frias de outono ou inverno, a chover lá fora, acender um forno a lenha... é impossível resistir!

Tenho 31 anos e comecei e como pão desde sempre, sempre foi um hábito na minha família comer pão à refeição, a minha avó sempre o fez, e sempre gostei de a ver fazer, no entanto só comecei a fazer pão há cerca de 2 anos, havia dois pães que eu sempre achei sublimes o pão de mafra e de rio maior, e sempre achei que estes dois tinham alguma magia que era impossível a alguém que nao fosse um feiticeiro do pão (padeiro) conseguir faze-los, aquele miolo tenro e elástico, que parece mal cozido mas muito saboroso... até que um dia, à procura de uma receita de bases de pizza descobri a zinedepao, e percebi logo que ali se falava noutra língua, ali se escreviam receitas de forma bem diferente, ali estavam as escrituras para aceder ao mundo dos feiticeiros do pão.

Por sorte tenho até um forno a lenha nas terras das minhas avós, nas minhas próprias casas, e desde então tem sido uma aventura sem fim, repleta de descobertas incríveis.

Será um enorme prazer partilhar as minhas descobertas destes 2 anos passados e dos que virão com vocês.

cumps

Bom dia Pedro
Também sou recém chegada ao fórum e antes de fazer a minha apresentação vi este post e queria só dizer, que sorte de ter esses fornos!! Assim o apelo de fazer pão ainda é maior.
Venham muitos posts dessas maravilhas. E não sendo feiticeira do pão, no que puder ajudar, disponha.
Até breve
Ana
Reply
#3
Bem vindos, Pedro e Ana!

Afinal há mais apaixonados por fazer bom pão! :-) Mais feiticeiros do pão!

Fico feliz por saber isso e por se terem inscrito no fórum, vamos ver se com a vossa ajuda conseguimos "reanimar" as discussões sobre o pão, sobre o bom pão!

Abraços!
Camilo
Reply
#4
Bem-vindo Pedro!

"é algo que nós sentimos dentro de nós" - lá está, não se explica, sente-se!

Abraço

Nuro
Reply
#5
Pedro,

Desafio-te a abrir um tópico sobre os pães regionais que referes, Mafra e Rio Maior. Podes fazê-lo no fórum "História" que visa precisamente discussões sobre "História, costumes, cultura e tradições", penso que ficaria bem enquadrado.


Confesso que não conheço bem o pão de Rio Maior.

Posso ajudar com informação que tenho disponível do livro O Pão em Portugal, da Mouette Barboff.

É um tema interessante, já tinha pensado em abrir um tópico diferente para cada tipo de pão regional português.

Fica o desafio feito! Aceitas?

Abraço
Camilo
Reply


Forum Jump:


Users browsing this thread: 1 Guest(s)